Marcos & Farina projeta condomínio industrial

O mercado de construção voltado à logística sendo uma tendência, tanto que os investidores têm apostado no setor como oportunidade de negócios. A Marcos & Farina é especializada na prestação de serviços na área de projetos e gerenciamento técnico e financiamento de obras de engenharia para os setores industrial e de logística.

 

 

A Marcos & Farina, hoje, está desenvolvendo a construção do empreendimento logístico da América Latina para a Global Logistic Properties (GLP), no município de Gravataí (SP). Trata-se de um condomínio industrial de alto padrão, especialmente projetado para facilitar a operação dos usuários, oferecendo toda a estrutura necessária para que as empresas ocupantes possam manter o foco em seu core business.

 

 

 

 

Fundada em 1979, a Marcos & Farina Arquitetos tem se destacado no setor de construção nos últimos anos pelo pioneirismo e qualidade dos serviços prestados. Dentre as ações mais procuradas na empresa se destacam os de estudos de viabilidade técnica para grandes áreas; desenvolvimento de projetos arquitetônicos para centro logístico, indústrias de transformação e de base e loteamentos de distritos industriais, residenciais e comerciais; acompanhamento e gerenciamento técnico e financeiro de obras; e Retrofit.

 

Ficha Técnica

 

  • Projeto: Marcos & Farina Arquitetos

  • Proprietário: GLP (Global Logistic Properties) (Antiga Prosperitas)

  • Construtora: Somague

  • Localização: Gravataí – RS

  • Início das obras: abril/2013

  • Situação atual: estão sendo desenvolvidos os preparos para a expansão da área que envolve a obra

  • Prazo de conclusão (previsto): 2015

 

Sistema técnico construtivo


Fundações: blocos de concreto armado sobre estacas tipo hélice contínua.

Motivo da escolha de tais fundações: tecnicamente foi a solução mais viável economicamente, que atendeu as características do solo local, levantado com as prospecções geotécnicas.
Sistema estrutural: pilares, cobertura e fechamento lateral em estrutura metálica.
Cobertura e fechamento: cobertura em telhas metálicas, chapa zincalume, do tipo zipada, face externa pré-pintada e interna primer de acabamento, sobre isolamento térmico, composto de lã de rocha sobre não tecido Tyvec. Vale ressaltar que a cobertura é equipada com ventilação por sistema de convecção com seis trocas de ar por hora e 3% em iluminação zenital.

 

Diferenciais construtivos 

 

Para este empreendimento a Marcos & Farina Arquitetos está em busca a certificação LEED Green Building. Vale ressaltar que a empresa possui outros empreendimentos já certificados, pois é uma prática constante, na qual ela preza por elaborar seus projetos aliando equilíbrio financeiro, técnico e socioambiental, ao acreditar que, desta forma, a sustentabilidade se efetiva e estabelece uma relação em que todos saem favorecidos.


A Marcos & Farina acredita que, no longo prazo, implica pensar e integrar soluções que tragam benefícios para todas as partes que se relacionam com as obras, com o empreendimento e com os negócios a serem realizados. Algumas das soluções apresentadas para a obtenção da certificação LEED Green Building são: bicicletários, vagas preferenciais, cobertura em cor branca para menor aquecimento interno, reutilização de águas, utilização de equipamentos ecoeficientes, canteiro de obras com separação de resíduos, entre outras.


Quadro Geral: Galpão 1 (8 módulos) – 22.379,45 m2 / Galpão 2 (4 módulos) – 14.896,30 m2 / Galpão 3 (5 módulos) – 17.732,34 m2 / Galpão 4 (10 módulos) – 26.816,01 m2 / Galpão 5 (10 módulos)    26.816,01 m2

 

http://mercado.arqbrasil.com/marcos-farina-condominio-industrial-2/

Share on Facebook
Share on Twitter
Please reload

© 2019 MF Arquitetos

  • LinkedIn - Grey Circle